Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Novembro, 2015

FreiSOL

Este slideshow necessita de JavaScript.

A dádiva de sangue é um ato de solidariedade!

No dia 9 de novembro, a Equipa de Promoção e Educação para a Saúde colaborou com o Instituto Português de Sangue do Porto, levando a efeito a 6ª recolha de sangue na Frei!

O Instituto Português do Sangue, munido de uma unidade móvel para o efeito, esteve nas nossas instalações das 9:00 horas da manhã até às 12:30 horas da tarde. Dos cerca de 40 participantes, 17 reuniram as condições exigidas para efetuarem a sua dádiva de sangue contribuindo para esta causa nobre e altruísta.

A Equipa de Promoção e Educação para a Saúde agradece todo o empenho demonstrado pelos diretores e titulares de turma das escolas do Agrupamento na divulgação da atividade junto dos Pais e Encarregados de Educação, assim a como a participação de todos na dádiva.

A próxima recolha de sangue será no dia 6 de maio de 2016

 

Read Full Post »

Educação para a Dádiva – Instituto Português de Sangue do Porto

Com o objetivo de educação dos jovens, como agentes persuasivos na sensibilização dos pais e encarregados de educação deste agrupamento, foram promovidas, pela equipa da Promoção e Educação para a Saúde (PES), no dia dois de novembro, sessões de informação e sensibilização para todos os alunos do sexto ano, dinamizadas pela Drª. Conceição Araújo, técnica especializada do Instituto Português do Sangue – Porto.

A palestrante Conceição Araújo referiu-se aos locais onde a recolha de sangue pode ser realizada, bem como aos processos de tratamento, até poder ser canalizado para as instituições que dele necessitam. Os alunos foram informados sobre a importância do sangue para a vida humana e para o facto de, sendo a dádiva a única forma de o obter, haver necessidade de voluntários em número suficiente, de modo a garantir a existência de sangue nas instituições de saúde. Tiveram ainda oportunidade de refletir sobre a importância da doação de sangue, e sobre o seu papel de dadores, enquanto dadores ativos, mas também enquanto dadores passivos, ao adotar comportamentos responsáveis de cidadania.

Na palestra foram exibidos modelos ilustrativos da constituição do sangue e explicado o modo como se faz a triagem dos seus constituintes. A comunicação foi interativa, possibilitando aos alunos a colocação de questões e o esclarecimento de dúvidas.  O objetivo foi sensbilizar os alunos para esta problemática, com a consciencialização de poderem também eles sensibilizar os seus pais e encarregados de educação ou outros familiares maiores de 18 anos a participarem ativamente nesta dádiva. Estando os alunos sensibilizados para estas questões, poderão, no futuro, reconhecer a importância da contribuição desinteressada dos dadores benévolos de sangue para o tratamento de doentes, exercendo a sua cidadania ao voluntariarem-se como dadores de sangue.

A exposição da Drª. Conceição Araújo sensibilizou os alunos para esta questão tão importante e ajudará, certamente, no futuro, estes jovens a tomarem decisões que possam contribuir para o bom funcionamento das instituições na área da saúde e para o bem-estar de todos os cidadãos.

 

 

Read Full Post »